/ Canadá

13nov 2014

Minha Impressões Sobre Toronto

Postado por às em Canadá, Viagens

Marido diz que sou bairrista… ok, sou mesmo!!! Mas nunca, no mundo, pensei que fosse virar capial! Logo eu, uma carioca da gema, acostumada com muita gente, muito transito, muita confusão.
Outra coisa que sempre ouvi falar: Toronto é São Paulo e Vancouver é Rio de Janeiro. Comprovado!
Não querendo falar mal de Toronto, mas…

Voltando no tempo…

Marido conseguiu arranjar 40 dias de férias (leia-se desemprego, porque foi entre um projeto e outro e entre uma empresa e outra esse período, ou seja, DESEMPREGADO AHAHAH) e resolvemos, depois de 2 anos por aqui, ir ao Brasil. Primeiro porque ninguem conhecia o Nicolas, segundo porque… né?! Mesmo assim eu não estava animada. Só fiquei ansiosa quando o dia estava chegando e nada de pensar no vôo em si (PAVOOOOOR de avião!! PAVOOOOR!!). Daí, comprando as passagens marido perguntou:
_Vamos ficar uns dias em Toronto pra conhecer?!
_CLARO!!!
E lá fomos nós:

Nick ficou a maior parte desse vôo acordado, mas ficou bem calminho brincando com uns Legos. Mas, das 4 horas de vôo, dormiu uns 2 horas..

toronto01

Pegamos um carro logo no aeroporto com car seat e tudo e fomos logo pra casa do amigo do marido que era onde ficaríamos hospedados que era bem em Downtown. Mas antes, pra sair do aeroporto já foi um drama! Mesmo com GPS, rodamos que nem peru de tanto viaduto e entradas e saídas… CIDADE GRANDE, GENTCHI! No caminho, me assustei! Fiquei com medo do tanto de carro que tinha e foi aí que descobri que virei capial! Que cidade graaaande!!! MEU DEEEEUS! Não tô mais acostumada com isso não!! De qualquer forma, só se compara com Sampa por causa do tanto de carro, transito, prédios, etc, porque a educação continuava canadense. <3

toronto02

toronto03

A noite, ficamos lá na casa deles mesmo conversando e comendo, até porque chegamos a noite, na verdade essa foto anterior aqui era noite já… verão escurece tarde :D
No dia seguinte, fomos logo pra Niagara Falls, tínhamos decidido que Toronto mesmo iríamos conhecer se desse tempo hahaha E lá fomos nós!!
Marido achou que seria muuuuuito maior! Eu não tinha opinião formada, mas imaginava mais alto um pouco mesmo… mas é bem legal e lindo. E molha tudo! Achei que tivesse chovendo (tonta), mas não.. hahah
Nessa foto abaixo, do outro lado já é os EUA.

toronto04

toronto11

toronto05

toronto09

toronto10

toronto12

Daí subimos na torre pra ver tudo de cima:

toronto06

toronto07

Depois fomos pra uma cidade chamada Niagara On The Lake. Uma cidade fofa, só de idosos e bem aconchegante. No meio do caminho, só vinícolas. Um zilhão!

toronto13

toronto18

OPA! Temos um filho-polvo!

toronto14

Depois, voltamos pra Toronto (viagem mega perto, de 1 hora e pouco) e fomos no clássico: A torre! Fomos num horário que pegamos tanto de dia, quanto a noite.. a gente sempre faz isso quando vamos pra algum lugar assim.

toronto19

Marido entrando com o Nick no colo e tomando espreiada por todas as partes, vai que eram terroristas, né?!

toronto20

Aí, a pessoa já adora uma altura e tava lá toda tensa porque tinha o maldito elevador panoramico… até aí tudo bem, tava de costas pro mundo, porém, o carinha do elevador falou de repente: se olharem para baixo, verão que o chão é de vidro. PQP!!! Eu tava pisando bem em cima do vidro!!!! Quase morri!!! Troquei logo de lugar com marido, que estava em chão firme.

toronto21

Não satisfeitos só com o elevador, mais chão de vidro lá em cima… :-/

toronto22

Daí tem uma parte aberta, lá fomos nós! Só não contávamos com a ventania de lá.. conclusão, lá se foi nosso ticket!!

toronto23

toronto15

toronto16

toronto17

De lá, fomos direto comer uma pizza num lugar bem bacana… E no meio do caminho, esse tanto de gente!!  Já falei que virei capial?!

toronto25

Aqui era a vista do ap que a gente ficou… pobreza.

toronto24

No dia seguinte fomos conhecer Toronto, já que nosso vôo era só a noite..

toronto08

Um fato mega curioso nas nossas vidas: ODIAMOS TODAS AS CIDADES COM BONDES!!!! Por que?! Não sei!!! Mas ODIAMOS Milão, ODIAMOS São Francisco e daí quando vi esse bonde eu comecei a rir, porque confesso que tinha acabado de falar mal dos parquinhos de Toronto e achado a cidade mega suja, e eis que surge! Daí lembro que falei: AH LÁ!!! E rimos!!! Mas ok! Não odiamos Toronto! Mas também não morremos de amores… virei capial e sou bairrista.

toronto26

Achei a cidade muito pichada…

toronto28

Uma coisa que falei mal também pro marido, de 4 parquinhos que passamos, NENHUM tinha balancinho pra bebê… tudo bem que conhecemos só o centro, mas no centro de Vancouver todos os parquinhos tem…  (tive que comparar porque… né?) MAs mesmo assim ele foi comigo no meu colo :D

toronto29

Agora o TOP (ahahahah até parece), foi visitar o prédio da Erica!!! OWmmmmmm, Pra quem não conhece, Being Erica é um seriado super bacana gravado todo em Toronto.. eu fui tanto no prédio dela (caindo aos pedaços, quanto no cafe que ela frequentava e era o estúdio dela <3

toronto27

Bem, é isso… não tivemos muito tempo de conhecer Toronto, mas o que conhecemos foi bem legal. Tá.. por opção, não troco Vancouver por Toronto nem a pau, mas Toronto tem seus encantos mesmo assim.

10nov 2014

2 Anos de Canadá!!

Postado por às em Canadá

2anos_canada01

Meu Deeeeeeus!! Como o tempo passa rápido!!! Hoje fazem 2 anos de Canadaaaaa!! uhuuuul!!! E com esses dois anos, tenho algumas coisas pra dizer:

  • Ainda não sei inglês como queria (nem tô perto!), mas já estou super abusada com ele e tento tagarelar em inglês mesmo não sabendo (saindo mega sorridente e frustrada ao mesmo tempo de qualquer small talk na rua, com vizinhos, etc),
  • Não consigo não amar esse país, essa cidade, mesmo chovendo dias e dias, continuo amando;
  • Não quero mais sair daqui!!! (Ok, pra Australia eu iria… Um quentinho vai bem mesmo no inverno, só não pode ser o inverno que peqguei no Brasil esse ano, aí prefiro aqui mesmo);
  • Estou mega feliz com os amigos que fiz aqui, que delícia!! Nunca pensei que depois de burra velha, depois dos 30 fosse ter amigos do nível que tenho aqui. Impressionante!
  • Meus olhos ainda brilham pela educação e coletividade dos canadenses.

E depois disso tudo…. NOSSO PR ESTÁ SAINDOOOOO!!! O Canadá vai ter que engolir a gente ainda por pelo menos 5 anos!!! AEEEEEEEEEE!!!!
Depois conto mais detalhes do nosso processo. Post rápido e feliz!! Vou lá que tenho que comemorar!

PS: Foto véia, era jovem, linda e loira.

06ago 2014

36 Curiosidades de Vancouver – Canada

Postado por às em Canadá

Vou falar algumas coisas que acho interessantes daqui e depois se vier mais coisa na cabeça faço outro post parecido:

Vancouver é uma cidade pequena com 600 mil habitantes, mas ela se torna grande com as outras cidades em volta, ficando em torno de 2 milhões

Os canadenses são mega educados e falam thank you ou sorry por qualquer motivo, inclusive se passam na sua frente quase esbarrando (sem tocar), pedem logo desculpas. Seriados americanos quando sacaneiam canadense, sempre pegam no pé com isso.

As 4 estações são mega definidas, é muito bom porque quando você não aguenta mais o inverno, vem a primavera toda linda e mega florida

Vancouver é conhecida como Raincouver porque chove mais da metade do ano (aquela chuva que quase não molha)

Aqui quase nunca fica abaixo de zero no inverno e neva uns 2 dias no ano.

No verão fica sol todos os dias, não chove em julho e pode não chover em agosto também;

Não existe tempestade por aqui… Raríssimos dias que tem trovões (Bartô agradece)

Não pode fumar em quase lugar algum, inclusive tem alguns prédios que não pode fumar dentro de casa. Vai pra calçada se matar, desgraçado. Em parques também não pode e Cassinos também não!

A maconha aqui é praticamente liberada. Dizem que você compra somente com registro médico, mas você vai em qualquer loja de maconha e lá mesmo você consegue a prescrição.

A saude daqui é pública, mas se paga uma taxa mensal por família de 130$ por mês, se for 1 pessoa ou 5, paga a mesma coisa.

Se você tem carro, o seguro é obrigatório e custa 200 pilas por mês independente se você tem um carro de 1000$ ou um de 300mil, mas pode conseguir desconto de até 40% de acordo com seu histórico de motorista;

50% das pessoas aqui são imigrantes, sendo 50% deles de origem asiatica.

Falta de educação e respeito?! Fale com os chineses..

Canadense ama puxar um papo em qualquer lugar! Seja no onibus, no mercado ou no meio da rua, é muito estranho no início, mas depois acostuma.

Faz um solzinho e já tem um bando de lagartix..ops! Gente pegando sol deitado na grama nos parques

Se faz muuuuuito picnic e churrasco nos parques e praias… Esse negocio de farofeiro aqui… Você vira um porque é normal.

Sinal fechado pra pedestre a meia noite e não vindo carro, quase ninguém atravessa.. Só quando abre.

Pra você ir num médico especialista, você precisa de uma indicação do seu médico de familia que é o clinico geral. E geralmente o especialista só vai ter vaga pra depois de 1 ou 2 meses no mínimo, mas depende também da urgência.

Existe um serviço de enfermeiras por telefone que te auxiliam pra dizer se você deve ir pro hospital ou não. Basta ligar pro 811;

Quase tudo o que você compra, se abriu e não gostou, você pode devolver que eles geralmente não perguntam por que não quer mais. Inclusive comida.

São roubadas por volta de 1000 bicicletas por mês, mas nunca vão colocar uma arma na sua cabeça, o que acontece é você parar a bicicleta em algum lugar e quando voltar… Cade? Acho que esse é um dos poucos pontos negativos daqui. Em compensação tem ciclovia em todos os lugares.

Aqui você pode comer igual no Brasil: arroz, feijão, etc… Tem quase tudo que tem no Brasil (menos suco de caju! :-( )

Vancouver só perde pra Manhattan no quesito opções de restaurantes. Tem um zilhão por aqui e de todos os lugares do mundo (Por isso como tanto fora, como vocês podem ver no Papo de Gordo)

Os canadenses tiram sapato antes de entrar em casa. Excelente habito aderido!

Tudo fecha cedo… Um horror! Shopping as 7, no máximo 9, restaurantes no máximo 11. Inclusive no verão quando o sol de poe as 9:30.

No inverno amanhece as 8 e escurece as 4 e no verão amanhece as 4:30 e escurece as 9:30.

Ninguém te julga com olhar. Você pode pintar seu cabelo de qualquer cor, sair fantasiado, ou de pijama que ninguém vai ligar.

As casas não tem muro e as paredes são de madeira, inclusive os predios.

Os bancos não tem portas bizarras pra entrar e os seguranças são pessoas que só te dão bom dia e não estão armados… Alias, sera que sao segurancas? E você pode entrar em qualquer prédio comercial sem se identificar.

Os prédios não tem porteiros (maioria) e nos predios novos, sua chave é um chip que você tem que ativar pra qualquer lugar que você vai dentro dele (academia, estacionamento, etc) e no elevador você só consegue apertar o botão do seu andar.

A maioria dos prédios não tem 13o andar.. Pula do 12 pro 14… Pra mim o 14 vira 13, mas tudo bem.

Aqui não tem barata, mas tem outros bichos perambulando como aranha, guaxinim, gambá de desenho animado, coiote, entre outros.

As taxas aqui em Vancouver são de 5% sobre alimentação, 12% sobre qualquer produto e 15% sobre cigarro e bebidas alcólicas (pra quem não sabe, tanto aqui no Canadá, quanto nos EUA, se cobra uma taxa sobre algum produto comprado, tanto que 9,90 por 10 e pouco. Não adianta ir com uma nota de 10 porque tem a taxa.. no Brasil esse valor é embutido e é de mais ou menos 40%);

O governo dá vários benefícios pra criança canadense, como 20% do valor depositado no ano (sendo no máximo de 500$ o depósito do governo) em uma poupança criada pra criança e voltada somente para educação até 18 anos. 100$ por mês até 6 anos, dependendo do quanto a família tem de renda pra ser gasto com creche, babá, alimentação, etc e alguns outros benefícios mais específicos.

A faculdade aqui pra estrangeiro custa em torno de 34000$ por 2 anos, sendo que pra um canadense custa por volta de 7000$.

Todos os cachorros precisam ser cadastrados e andar com uma tag na coleira com o número do cadastro. É preciso pagar uma taxa de 40$ mais ou menos por cachorro por ano.

16jun 2014

O Olhar da Minha Sogra Sobre Vancouver

Postado por às em Canadá

Como contei no post anterior eles vieram pro Canadá pra visitar a gente e conhecer o neto. Só que peguei as fotos dela pra mostrar pra vocês algumas curiosidades daqui de Vancouver, já que eu queria fazer esse post desde que cheguei, mas não consegui porque tirava foto, mas não separava pra postar aqui e nisso o tempo foi passando.

Como ela fotografava tudo pra mostrar pra minha cunhada, aqui estão algumas coisas que ela achou super diferente e adorou:

Ruas Arborizadas
olhar_sogra_canada01

Guarda multando sem dó (eles multam por qualquer coisa fora da lei e tem muuuitos!)olhar_sogra_canada02

O carro do guarda que multaolhar_sogra_canada03

O golf que custa mais ou menos 15$ por casal com aluguel dos tacos.. olhar_sogra_canada04
Mamarazzi! hahaha (euzinha fotografando meu filhote também é uma curiosidade, não?!)olhar_sogra_canada05
White Rock (Pedra Branca como diriam meus sogros)olhar_sogra_canada06

O trem passando pela praia.olhar_sogra_canada07

Um dos shoppings daqui.olhar_sogra_canada08

Whistler sem neve (ou quase e só com o ciclistas de mountain bike).whistler sem neve

Lixeira anti-urso, só abre apertando o botão dentro.Lixeira anti-urso

Loja que só vende produto feito da maconha (aqui também tem muita loja que vende maconha sob preescrição médica sempre)olhar_sogra_canada11

Balancinho de bebê que tem em todos os parquinhos.olhar_sogra_canada12

Um dos brinquedos que tem em parquinhos, sempre mega conservado.olhar_sogra_canada13

Shopping aberto para paraiso dos sogros.olhar_sogra_canada14

Abastecendo sozinho sempre.olhar_sogra_canada15

Transporte público, nesse caso o ônibus, com lugar para 2 carrinhos ou cadeirantes.olhar_sogra_canada16

Indo pesar o neto no posto de saúde… sem fila e self-service, mas se precisar de ajuda, tem enfermeira a disposição. Tudo limpinho e bem conservado.olhar_sogra_canada17

Hortas da comunidade que ficam por onde passamos. olhar_sogra_canada18

Casas lindas que parecem de filme infantil.olhar_sogra_canada19

24 rolos e papel higienico… isso porque não levamos eles no Costco que são 80!olhar_sogra_canada21

Velhinho varrendo a calçada super saudável.olhar_sogra_canada22

Criancinhas jogando Hockey.olhar_sogra_canada23

Uma das piscinas públicas de Vancouver.Piscina publica Canada

Carro elétrico para alugar. Aqui tem sistema de aluguel por hora ou por minuto. Nem temos carro por isso. Sai muito mais barato que manter um carro aqui se você só usa final de semana.olhar_sogra_canada25

Lixeira pra jogar guimba de cigarro que vai pra reciclagem. Em fase de testes… dando certo aqui, terá no mundo todo.olhar_sogra_canada26

O relógio de GasTown toca e solta vaporzinho a cada hora!olhar_sogra_canada27

Fly Over! um simulador de vôo pelo Canadá. Sogro ficou encantado! Tipo Soarin da Disney, mas melhor.olhar_sogra_canada28

As ruas dos fundos das casas, onde são recolhidos os lixos e onde ficam as garagens, deixando as ruas da frente livres e lindas.olhar_sogra_canada29

Casas lindas sem muros.olhar_sogra_canada30

OPA! Essa é da nossa porta! “Em caso de incêndio, salve nossos animais”olhar_sogra_canada31

Aqui só tem asiático!olhar_sogra_canada32

Suco azul! E não é que era bom?! De blueberry!!olhar_sogra_canada33

Frutas gigantes deliciosas!!!

05jun 2014

Os Sogros no Canada

Postado por às em Canadá, Família

Faz tempo que não faço um post mais sobre meu dia a dia (muito menos post.. hahah)… Essa falta de organização de tempo que me mata, porque estou deixando de registrar aqui um mooonte de coisas que eu queria… Eu até anoto na minha agenda, mas o tempo passa e não sai o post.. Não escrevo, fico procrastinando, etc.

Depois de 1 ano e meio morando no Canadá, recebemos nossa segunda visita ( a primeira não contei aqui, mas foram os padrinhos do Nick) que foram meus sogros. Falei desde o inicio que queria ser um mosquinha, porque eles não falam nada de inglês, então como eles iriam se virar?! Principalmente no aeroporto e na imigração.

Como eles conseguiram também o visto dos EUA, eles resolveram fazer um pit stop em Las Vegas (leia-se pretexto, porque a viagem de SP a Las Vegas demora o mesmo tempo que pra Vancouver). Chegaram direitinho lá, pois usaram a carta que fizemos pra eles entregaram na imigração Explicando toda a viagem. Ficaram por lá 4 dias e vieram pra cá. Conheceram o neto e odiaram Las Vegas (perderam dinheiro no Cassino, senão eles amariam hahaha). Conclusão, pediram pra ficar mais tempo aqui, já que teriam que voltar por Las Vegas de qualquer jeito Por causa do vôo separado que fizeram.

Foi tudo maravilhoso!! Eles fumam e aqui não se pode fumar nem em casino (eles são jogadores, por isso que falo de cassino sempre hehe), então reduziram bastante o fumo aqui. Nick quase não sentiu cheiro de cigarro pra felicidade da mãe! Em parques também não pode fumar, então já viu, né?! Vancouver tem um zilhão de parques!

Mostramos muito nosso dia a dia, levamos eles pra conhecerem coisas do nosso cotidiano pra eles verem que estamos bem aqui. Só faltou a biblioteca, mas fomos na piscina pública, no posto de saúde pesar o Nic, em um zilhão de restaurantes diferentes, bons e baratos, pegamos onibus e mostramos a estrutura pra cadeirante e carrinhos de bebês, os parquinhos que são perfeitos pra todas as idades, etc. eles foram até num garage sale!!! Coisa que nunca fomos aqui! Teve um em frente de casa e como eles fumavam, ficavam por dentro de toda novidade do bairro hahaha mesmo não falando nada em inglês, fizeram amizade com nossos vizinhos (um deles deu ate um bolo de banana como Welcome to Vancouver!) e tudo mais!

Conclusão: sairam daqui falando que viriam 1 vez por ano (tomara!) e meu sogro disse que faria o mesmo se passasse 1 mês aqui que não iria querer voltar mais. Hahahaha fofoo!!

Pra completar, na hora de ir embora, na despedida, meu sogro me deu um dos melhores presentes: pegou na minha mão e disse que eu estou no top do conceito dele, que ele está maravilhado como eu sou mãe e estou dando conta de tudo (junto com marido). Que sou uma mãe exemplar e que ele, a partir dessa viagem, me admira demais! Nem abri o berreiro, ne? Marido disse que nunca viu o pai dele elogiar alguem assim. Coisa mais linda!!

O que meu sogro está falando com um canadense eu não sei.. acho que nem ele sabe! haha

A estrada que é linda, toda nublada e chuvosa na ida…

Whistler chovendo..

De repente… SOL!!

Nick no balanço com vovô

As crianças canadenses AMAM bebês e são super carinhosas <3

O bolo que meus sogros ganharam dos vizinhos <3

Semana que vem vou fazer um post sobre algumas curiosidades daqui do Canadá só com fotos da minha sogra e explicando tudo.. algumas entrariam até no post de hoje, mas decidi colocar no post de curiosidades pra não ficar repetitivo..

27mar 2014

Nossa Imigração pro Canadá

Postado por às em Canadá

Nossa.. acho que desde que chegamos aqui nunca mais falei de como ainda estamos aqui, afinal era teoricamente até março de 2013 que ficaríamos e já tem quase 1 ano e meio que estamos em Vancouver.

Não foi nada mil maravilhas como parece, corremos alguns perigos nesse tempo, vejam só:

Marido foi chamado pra trabalhar em julho (acho) de 2012 numa produtora pra trabalhar em somente um projeto e quando terminasse que seria em março: “Tchau e bença”. Eles correram atrás do nosso LMO (Labour Market Opinion) que é um documento que a empresa precisa do governo dizendo que eles não acharam nenhum canadense apto pro cargo. Depois de 6 semanas, a empresa entregou tudo pra gente (nesse meio tempo a gente precisou providenciar zilhões de documentos), imprimimos tudo e levamos no consulado do Canadá. Foi a maior correria, porque tudo tinha que estar pronto em menos de 1 mês, pois ele começaria no final de novembro a trabalhar e ainda teríamos que vender tudo nosso, vir pro Canadá, achar um lugar pra morar, etc.

Saiu nosso visto, em 2 semanas estávamos viajando. Chegamos aqui em Vancouver dia 10 de novembro com um work permit linkado a empresa até setembro de 2015, ficamos em um hotel e fizemos a burrada de reservar por somente 4 dias, achando que seria fácil achar um ap. Seria sim! Se não tivéssemos 2 animais… o hotel já não tinha mais vagas pra extender nossa estadia e mal chegaríamos no país e já seríamos sem-teto. Por sorte, achamos na noite do último dia um studio boqueta que chorei assinando contrato com medo do prédio cair e ainda morrer afogada por um tsunami (eu não tinha estudado muito a fundo a ponto de me convencer que tsunami não chega no centro de Vancouver), mas não tínhamos opção. Sorte que era contrato de 6 meses.

Chegou março e o filme atrasou até maio.. chegou maio e seguraram marido até dia 28 de junho. De 200 animadores, ficaram só 30! E depois acabooou!!! Marido tinha sido chamado pra outra produtora em Montreal, pra um filme mega bacana, mas eu grávida, não queria parir em francês e joguei meu charminho e insegurança pra arriscarmos e ficarmos por aqui.

Por sorte, a empresa que marido trabalhava chamou outras produtoras pra entrevistarem o que restou dos mortais e marido foi contratado até novembro de 2013 por outra empresa aqui em Vancouver mesmo. E nos mudamos pra um ap dentro de uma casa e agora temos até quintal pro Bartô fazer o que quiser!

A nova empresa teria que dar o LMO pra ele também, então marido ficou de “férias”por quase 2 meses, eles vendo a papelada e a gente recebendo seguro desemprego. Saindo o LMO, fomos na fronteira de carro (eu dirigindo com barrigão porque marido tinha sido reprovado pela segunda vez no road test hahaha)
(Marido boladão, nem queria que eu tirasse essa foto pro meu 365 ahahahha)

(continuando)..e pegamos a nova permissão de trabalho.. agora era pra Fevereiro de 2014!! Só 6 meses!! Desespero!! O anterior que ia até 2015 não valia mais!! Tenso.. Até porque o projeto ia até dia 22 de novembro e com a soma do tempo trabalhado, dariam 11 meses!! E pra dar entrada no PR (Residencia permanente, nosso objetivo), teria que ter 1 ano de trabalho e estar empregado. Ai.. ai..

Marido mal começou na outra empresa e já saiu distribuindo portfolio pra tudo quanto é canto. Fez algumas entrevistas e pronto! Foi chamado pra trabalhar em outra empresa e começaria dia 25 de novembro. A tensão dessa vez foi o LMO que não saia! Sabe quando foi sair?? Dia 22 de novembro, sexta-feira!! Ele começaria na segunda!! Oi?! E lá fomos nós pra fronteira no sabado.. dessa vez marido foi dirigindo porque foi aprovado no 3o. road test hahahahaha. Nicolas já estava com a gente e já abusou com seu passaporte canadense (os americanos cagaram quando viram que ele era canadense – presentão, hein Nic?!). E pegamos o work permit até maio de 2014.. mais 6 meses. Só que…

Trabalhados os 12 meses demos entrada no PR pelo Canadian Experience e rezamos pra que as 200 vagas que abriram não fossem preenchidas antes. Do nada já tinham 87! AI MEU DEUS!! Desespero!! E marido fez CELPIP e passou com notão (nerd) e a gente tinha que esperar chegar a folha oficial do resultado dessa prova de inglês pra poder dar entrada. Todos os documentos prontos e nada de chegar… assim que chegou, tascamos no correio com entrega mais rápida do mundo e pronto. Só esperar.

Marido ficava atualizando o site do governo o tempo todo e nada de sair dos 87.. passou 1 semana, 2.. nada!! Sabíamos que estava demorando 2 meses pra eles responderem algo.. mas na terceira semana veio um email:
 SUA APLICAÇÃO ESTÁ EM PROCESSO!

AAAHHHHHHHH!!!!!!!  Finalmente vamos ficar tranquilos por aqui!!! Agora o site foi atualizado pra 100 e um monte (nem sei), mas vamos conseguir!!!
Já aplicamos também pro Open Work Permit que dá direito da gente trabalhar em qualquer lugar, pois quando está em processo, pode pedir isso.

Enfim, não foi nada fácil esse 1 ano e meio por aqui com essa tensão de voltar ou não pro Brasil sendo que a gente queria muito ficar. Claro que comparado a maioria dos brasileiros que vem pra cá sem PR o nosso foi até tranquilo e o fato do Nicolas ser canadense não ajuda em nada, somente quando ele fizer 18 anos (várias pessoas me perguntaram isso). E agora.. Brasil só de férias!! Sem medo de quando voltar não ser como visitante. <3

11mar 2014

Papo de Gordo – Novembro e Dezembro 2013

Postado por às em Canadá, Comida

NOVEMBRO:

Thai Away: Fomos fazer hora pro Nic acordar pra tirar foto pro passaporte e fomos almoçar nesse Thailandes… bem gostosinho!! Limpinho também hehehe Cray Kitchen Bar: Fomos liberados pela midwife pra ir pra lugares fechados!! Estreamos nesse restaurante mega diferente. Você paga por quilo o bicho que vai comer (desde camarão à lagosta, carangueijo, etc) daí eles te dão um avental e luvas e a comida vem num saco misturado no molho que você escolheu. É muito diferente e gostoso!! Casa Verde: Descobri que em Vancouver tinha bolinho de bacalhau de verdade num restaurante portugues.. chegando lá, comemos o bolinho maravilhoso!! E pra surpresa minha tinha bacalhoada!!!! ok.. não amei porque tava com muita espinha, mas tava beeeem gostoso e matou saudade. Blue Canoe: Fomos para Storybrooke e almoçamos num restaurante maravilhoso!!! AMEI meu prato!! Só de ver a foto aguei aqui… pena que é um pouco caro, mas faz jus ao valor sim! Não é à toa que foi eleito o melhor restaurante da cidade de Richmond. Kamei Royale: É um japa mais playba. O ambiente é bem legal, preço acima da média, mas gostoso.

Sunshine Diner: Já tinha visto um dia que tinha fila pro café da manhã, daí fui depois pra conhecer e AMEI!! Ele é temático, todo anos 60, tem Elvis pra tudo quanto é lado, jukebox, etc.. pena que fecha cedo.. 4 da tarde já tá fechando. Comi um queijo quente básico com milk shake de coco maraaaa!

DEZEMBRO:

Rogue Wetbar (REPETECO): Mais uma vez comida deliciosa!! E essa sobremesa?!?! Sem noção!!
Kingsway Sushi: Rodízio de japa.. nada demais, mas como é rodízio, sempre vale a pena.. ainda mais por uma bagatela de 15 pilas.
Essa era uma sobremesa de manda… tipo mousse de Tang hahahKypriaki Taverna: Grego delícia!!! Descobri essa entrada que nunca sei o nome (ok.. pesquisei agora: Saganaki) e parece queijo coalho na brasa! Só que a mulher ainda dá uma espremida no limão em cima do queijo e… PARAÍSO!!! Sunshine Diner (REPETECO): Ele apareceu aqui em cima.. agora sim experimentei um hamburguer… peito de frango grelhado tudo de bom!!!Stefos Taverna (REPETECO): como aprendi no grego Kipriaki sobre o “queijo coalho”, pedi lá também.. E desde que tinha chegado, nunca mais tinha ido nele por viver lotado… é bom, mas passaram mel, porque é igual às outras tavernas que já fui.
Transilvania Backery: doces gostosinhos, mas a cara é bem melhor..
U-Grill: Fast food a quilo DELICIOSO DEMAIS!!!
GoodAh Grill: Fast food bem gostosinho também, pedi tipo uma batata recheada e veio assim.. diferente.. hehe
Steveston Cafe: Fomos pra Steveston comer um Fish and Chips, mas o lugar que a gente conhecia estava fechado, daí fomos nesse cafe que fica dentro de um hotel e até surpreendeu.. bem gostoso.
Banana Leaf: Essa foto aqui debaixo foi o que o marido pediu.. se lascou! Ardido demaaaais!! Também, comida da Malasia = fogo pelas ventas! Mas eu mandei super bem no meu arroz no abacaxi. Tava bom demais!!
Caramba! Restaurante: Super indicação da Lu! Restaurante mediterraneo MARA!! Meu penne tava sem noção!

11fev 2014

Campanha no Transporte Público

Postado por às em Canadá

Existe uma campanha aqui em Vancouver de educação dentro dos ônibus e metrôs que acho TOP!!! Sempre me faz rir quando vejo algum desses cartazes dentro:

O Espaçoso Que Não Dá Preferência:
O Surdo:
O Esfomeado:
O Falante:
O Que Não Deixa Ninguém Passar:
As Bolsas e Malas Cansadas:
O Porco:
O Tonto Que Bloqueia:

31jan 2014

Papo de Gordo – Setembro e Outubro 2013

Postado por às em Canadá, Comida

Esses meses foram um pouco fracos porque foi o mês que eu pari, neam??!?!? Então tem muita coisa que foi entregue em casa…

SETEMBRO:
Nando’s: Franguinho delícia!! Amei muito! E pra mim, mesmo o “sem pimenta” achei apimentado… Mas no limite da felicidade.

Fatburguer: Jurava que era podrão tipo McDonalds.. Nem é! Hamburguer feito na hora delicioso!!! E comi o hamburguer de peru com molho de cramberry… Sei noção! Sou viciada! (  o molho é feito lá mesmo! Top!)

49th Parallel & Lucky’s Doughnuts: A pessoa tava com diabete gestacional, então só tomou um leitinho quente com uma rosquinha… Nao deu pra curtir e julgar, mas o lugar é bem bacaninha e vive cheio.

Uncle Fatih’s: melhor pizza delivey de Vancouver até agora…

Francesco’s: saimos pra comemorar o trabalho novo do marido e a possível ultima saída de nós dois como casal sem filho… E foi mesmo! Esse é um restaurante italiano meio chique e deliciosooooo!! Mas é só pra comemorações porque é meio caro.

Boteco Brasil: (repeteco) Strogonoff bom, mas… Que mané salada!!! Eu quero batata frita!!! Não gostei. E ainda veio uma miséria.

Sushi California: preciso falar que essa é foto do que virou o sashimi no dia seguinte… Aahah no dia mesmo neeeeeem tirei foto!!! Tinha colocado o pé em casa depois da maternidade e looooogico!!! Queria japaaaa! Esse restaurante pedimos pra pegar porque já estava com o Nic no colo.. Eles são mega exagerados no tamanho das peças e mara!!!!!! Entendi porque vive lotadíssimo!!

OUTUBRO:

Sushi California: opa! Repeteco seguido!!! Ahaahhaaha japa pra ex-grávida matar toda a vontade, por favor.

Solly’s Bagelry: (Repeteco): o que é esse cinnamon buns?! Eleito o melhor de Vancouver por anos seguidos! Isso mesmo! Concordo!

Marble Slab: essa sorveteria é tudo de bom!!! Voce escolhe a massa e o que vai de porcaria ( ou nao) nela e eles misturam e fazem um sorvete maravilhoso!!!! Amei muito!!

16jan 2014

Papo de Gordo – Julho e Agosto 2013

Postado por às em Canadá, Comida

Vamos correr com o processo, né mesmo? Porque 2013 já foi e ainda estou aqui.. então 2 meses em sequência de gordices:

JULHO

Rumpus Room: Do lado de fora parecia aquelas casas das tias que vendem PF, daí quando fui ver, só vendia hamburgueres e belisquetes… como estávamos de mudança e estávamos com fome, não conhecemos o forte deles… Não posso julgar se gostei.. Mas comi isso.. esquisito.

The Mongolie Grill: é um dos estilos de comida que mais gosto.. Comida a quilo e você monta do jeito que quiser. Tem até uma folha de arroz pra acompanhar deliciosa. Meio pobrinho o lugar (como a maioria dos mongóis), mas bem gostosinho.. e barato! Você come muito por 6$.

Verace Pizzeria: Agora é Ludica. Pizza mega gostosa. O mais legal dela é que tem uma parece de jogos de tabuleiro pra você jogar! TOP!

The Wallflower: Fomos pra almoçar numa casa especializada em brunch, mas ok!! Comida deliciosa!!! Volto fácil.

Joe’s Grill: Gostoso!! Mas estávamos querendo comer outra coisa… então o clima era outro… precisamos voltar pra julgar melhor.

Bandidas Taqueria: Mexicano vegetariano!!! Não queria mais nada!! E AMEI muito!!! Vive lotado.. tenso. Que feijão é esse?!?!? Paraíso!

Victoria Chinese Restaurant: ODIAMOS!! Comida chinesa legítima! Serviam até pombo… nojo.

AGOSTO

Moderne Burguer:  aí você vai pra um lugar que uma das especialidades é milkshake e você não pode tomar por causa da diabete gestacional, mas prova do amiguinho que foi com você e em somente um gole você tá no paraiso… Conclusão: PRECISOOO voltar!! BTW, hamburguer mega bom!

IKEA: IKEA tem comida mega barata e bem gostosinha! Pena que não pude comer a sobremesa….

Rogue Wetbar: uma delícia!!! Climinha gostoso, atendimento ótimo.. Adorei!

Social House: hmmmm, vem pouca comida, mas beem gostosa. Diferente dos lugares com esse mesmo estilo ( Cactus, Rogue, Whitespot)

Eu precisava colocar essa foto!!! Foi num café perto da minha midwife e achei o máximo!!! 

Max’s Burguers: O lugar já fechou. Merecidamente. Hamburguer de camarão bem mais ou menos e olha que nas críticas diziam que era um dos melhores hamburgueres de Vancouver!! Se fosse bom mesmo não teria fechado. Fuén fuén!

Rocky Mountain Flatbread: todo mundo falava da pizza de lá e fomos conhecer. É muito gostosa, mas ainda assim deixa a desejar… Mas vale a pena sim!!

Solly’s Bagelry: Sabe paraíso? Pois então… Essa bagelry judaica é! Lá você encontra cinnamon buns que foi eleito o melhor de Vancouver… E é fato!!!!!! Não tem a foto aqui porque deve ter sido ingerida antes do click, mas vou falar então da bagel…. Juro que da pra matar saudade do Brasil, mesmo não tendo nada a ver… Amo demaaaaaais!! Já virei sócia!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...